sexta-feira, 22 de junho de 2012

Por que mulher adúltera merece condenação e mulher safada merece parabéns?

Eso texto en español (sin fotos e peliculas de putaría, en lo Concrete Paradise): ¿Por qué una mujer adúltera merece la condenación y una mujer indecente merece las felicitaciones?, http://avezdoshomens2.wordpress.com/2012/06/22/mujer-condenacion-felicitaciones//
Eso texto en español (con fotos e peliculas de putaría, en lo Paraíso Tangible): ¿Por qué una mujer adúltera merece la condenación y una mujer indecente merece las felicitaciones?, http://avezdoshomens2.blogspot.com.br/2012/06/por-que-mujer-adultera-merece-la.html
This text in English (without sex pics and movies, at Concrete Paradise): Why an adulterous woman deserves condemnation and an indecent woman deserves congratulations?, http://avezdoshomens2.wordpress.com/2012/06/22/woman-condemnation-congratulations/
This text in English (with sex pics and movies, at Paraíso Tangible): Why an adulterous woman deserves condemnation and an indecent woman deserves congratulations?, http://avezdoshomens2.blogspot.com.br/2012/06/why-adulterous-woman-deserves.html
Texto original em português (sem fotos e vídeos de putaria, no A Vez das Mulheres de Verdade): Por que mulher adúltera merece condenação e mulher safada merece parabéns?, http://avezdasmulheres2.wordpress.com/2012/08/24/mulher-adultera-condenacao-mulher-safada-parabens
Texto original em português (com fotos e vídeos de putaria, no A Vez dos Homens que Prestam): Por que mulher adúltera merece condenação e mulher safada merece parabéns?, http://avezdoshomens.blogspot.com.br/2012/06/por-que-mulher-adultera-merece.html

Imaculada Virgínia Pereira Souto e

Abigail Pereira Aranha

Alguns leitores (principalmente mulheres) devem achar que é uma contradição nossa defender a putaria livre e o casamento aberto, mas condenar as vadias, as mães solteiras, as mulheres que pulam a cerca. Vamos explicar por que não é.

O casamento tradicional exige exclusividade sexual, uma vida a dois, uma parceria. Se os dois vivessem um amarrado ao outro, já seria um problema. E quando um dos dois quebra esse pacto? É uma traição. Não por causa do sexo com outra pessoa, mas por causa da canalhice. Como assim?

Sexo para o homem de caráter é na zona ou no mínimo no namoro. Meses até ela ter algum interesse nele e ele criar coragem para pedi-la em namoro (mesmo quando ela também gosta do rapaz). Os irmãos e os pais dela faltando pedir a ficha na polícia antes de autorizar que ele namore com ela, com o projeto de se casarem. Dependendo do pai, dali a uns seis meses. Até não muito tempo atrás, para ele só ver os ombros da moça depois do casamento.

Depois do casamento, a vida do rapaz com a sua amada vai ficando cada vez mais sem graça. Até ele ficar com cada vez mais vontade de matá-la ou morrer. Se ela era bonita de rosto e de corpo, vai ficando feia. Se ela sempre foi feia, vai ficando pior. Mais gorda, mais enrugada, mais desarrumada. Os defeitos que eram toleráveis no namoro, agora não dá pra aguentar. O sexo fica cada vez mais raro e pior. O "querido" também é cada vez mais raro. Qualquer coisa que não incomodaria pessoas equilibradas pode ser causa de uma briga. A mercadoria está com defeito e nunca teve garantia. Se livrar da mulher vai ser uma amolação, além de ficar caro.

A mulher ainda não é uma porca disforme, mas a relação já acabou o mel e chegou na lua. Aí, o homem descobre que a mulher está trepando com outro. Talvez a bruxa não esteja fazendo greve de sexo com ele há meses (ou dois anos). Talvez ela não esteja querendo se vingar de quando ele foi fazer um lanche com a colega de trabalho simpática depois do expediente. Mas é uma canalhice. Porque para o outro, não houve meses de futuro sogro amolando antes de poder beijar a moça em paz. Para o outro, não teve irmão da sua menina vigiando os dois. E o outro cara conseguiu em semanas, dias ou talvez horas exatamente o que ele (o marido) queria desde quando se interessou pela mulher: meter com a desgraçada. E é provável que a mesma família dela que tratou o homem como um leproso sempre soube de tudo. Agora, o outro paga no máximo o motel. O marido vai pagar a partilha do divórcio se quiser largar a mulher. Entendeu? A traição não é do sexo, é da falta de caráter. E não é só com ex-prostituta, mãe solteira, malucona. Muitas vezes é com mulher séria, ou melhor, cristã fervorosa, que antes o marido pensava que o único outro que ia ter no casamento era Nosso Senhor Jesus Cristo.

Para homens que prestam, não existe sexo fácil. Para o homem que presta, não existe menina de 15 anos corpo violão querendo perder a virgindade escondida do pai (a não ser quando ele já está casado com outra). Para o homem que presta, não existe duas moças "comuns" indo juntas pra cama com ele (a não ser que ele pague a Coca Cola das duas na boate). Para o homem que presta, não existe nem mulher casada fazendo loucuras pra se encontrar com ele e levar umas varadas escondida do marido tosco e violento. Não é que ele recusa, é a chance que não aparece. A mulher que transa com quem quiser nunca quer com ele.

Ah, já íamos esquecendo. E a mulher que era galinha ou prostituta (profissional do sexo mesmo) quando nova e depois quer se casar, significa que vai chifrar o marido também? Geralmente não. Mas ela aceita o casamento aberto? Ela contou o passado para o namorado? Ela é ciumenta? Gente, a mulher experimentar um carregamento de toras na juventude não é ponto negativo para o caráter dela, o que conta pontos contra é a falsidade. Aliás, a ex-assanhada diz isso? O que a maioria das mulheres devassas fazem lá pelos 30 ou 40 é se casar com um otário de bem (de preferência, de bens), geralmente junto com filhos dos relacionamentos anteriores que quase não veem os pais, frequentar uma igreja e esconder o passado parecendo aquelas velhinhas que não experimentaram dois pintos na vida. Para aposentar o corpo em decadência que os cafajestes não querem mais e não pode mais ajudar a furar a fila da competência para garantir uma carreira profissional. E a sensualidade e a sexualidade que ela tinha com a idade em que o marido estava se fazendo um homem sério, talvez ainda era virgem, já era. Ela vai contar para o marido e para quem souber do passado dela como ela era tratada como objeto pelos cafajestes e como se envergonha das fotos que tirou nua ou dos filmes de sexo amadores (ou profissionais).

Não é verdade que quem ama bloqueia. Amor é um querer o bem do outro, não é necessariamente, no caso de homem e mulher, querer formar uma família. E assim como um homem e uma mulher não casados que gostam da companhia e da alegria um do outro podem ir pra um churrasco, passear no parque, podem perfeitamente entrar com o carro na garagem (com dois ou três carros, fica melhor ainda, hehehehe).

E só porque eles não querem casamento, não significa que eles não se respeitem nem gostem tanto assim um do outro. É justamente porque eles não querem um tirar a liberdade do outro.

E só porque a donzela vai estar com uma rola hoje e outras duas de uma vez amanhã, não significa que a relação é superficial. Poxa, dá até pra conversar um pouco entre uma e outra até o mastro do gatinho levantar de novo, até coisa triste que um está passando e o outro dar o ombro pra chorar um pouco. Dá pra conversar coisa alegre também, todo mundo pelado. Telefone celular desbloqueado, você está com a Oi porque gosta, não porque é obrigado. Hehehehe.

Vários parceiros aumenta tanto o risco de doença venérea quanto sair com o carro aumenta o risco de acidente. Então, tendo juízo (e camisinha), não vale o argumento da AIDS/SIDA, até porque ela está chegando para mulheres casadas que não tiveram três homens na vida (e nem sempre o homem pegou piranha por aí). Então, para uma vida de luxúria é preciso ter mais coragem. Não coragem de desafiar a sífilis, a gonorreia, mas ter mais coragem que a multidão covarde que procura um casamento por medo de doença e do Inferno.

E mulher viver na putaria ou no casamento aberto não é falta de moral. É justamente se preocupar em ter mais do que falta de pica pra esconder sabe-se lá que falta de virtudes morais ou intelectuais. É ter qualidades que às vezes a puladora de cerca não tem e faz todo mundo acreditar que ela tem.

Para uma mulher, transar com mais de um homem (de uma vez ou não) tendo um casamento convencional é hipocrisia, mentira, trapaça. Ter um casamento aberto ou transar sem compromisso (de relação estável), é sinceridade consigo mesma e com o outro, respeito ao outro, diversão (com juízo) e coragem para um estilo de vida que nunca foi aceito em época nenhuma. É isso aí, contra Deus, contra a castidade e contra a mediocridade.

Política de comentários do A Vez das Mulheres de Verdade e do A Vez dos Homens que Prestam
Já conhece o nosso Manifesto dos Homens que Prestam e o nosso Manifesto das Mulheres de Verdade?
O blog A Vez das Mulheres está em http://avezdasmulheres.thumblogger.com/ (com fotos de safadeza) e http://avezdasmulheres.wordpress.com/ (sem fotos de safadeza).
Grupo A Vez das Mulheres (discussões e fotos de sexo hétero e homens nus):
http://groups.google.com/group/saindodalinha2 (para não-membros do A Vez das Mulheres)
http://groups.google.com/group/avezdasmulheres
http://www.grupos.com.br/group/a-vez-das-mulheres (só pra quem tem perfil no Grupos)
Blog A Vez dos Homens que Prestam (sobre homens que prestam e canalhices femininas):
http://avezdoshomens.blogspot.com/ (tem fotinhas e vídeos de safadeza)
Grupo A Vez dos Homens que Prestam:
http://groups.google.com/group/avezdoshomens
Fórum Paraíso Concreto:
http://paraisoconcreto.forumeiros.com/

Seção de sexo, safadeza, putaria, mulher pelada, pornografia

GangBanging Abigail (mp4)

Dirty girl Nikki Nievez takes on two rock hard cocks in some group action

(Garota safada Nikki Nievez assume dois paus duros como rocha em um pouco de ação de grupo / Niña perra Nikki Nievez toma dos pollas bien duras, en un poco de acción de grupo)


Video brought to you by PornTube.com

Cheating wife gets triple the fun

(Esposa adúltera ganha o triplo da diversão / Esposa engañadora recibe el triple de la diversión)


Cheating wife gets triple the fun brought to you by KeezMovies.com
Palavras relacionadas: liberalismo, vadiagem, promiscuidade, galinhagem, galinha, puta, sem vergonha, swing, adultério, perdoar uma traição, minha mulher me traiu, minha namorada me traiu, mulher direita, mulher honrada, mulher de família, mulher de respeito, mulher de princípios, moral, ética, decência, inteligência, coerência, caráter

Nenhum comentário:

Postar um comentário